• 02/12/2018 - O longa “Entre irmãs”, protagonizado por Marjorie Estiano e Nanda Costa, participa da Mostra IX Brazilian Film Series
    Fechar

    O longa “Entre irmãs”, protagonizado por Marjorie Estiano e Nanda Costa, participa da Mostra IX Brazilian Film Series

    “Entre irmãs” participa da Mostra IX Brazilian Film Series

    O Topázio Cinemas recebe mais um grande evento com o objetivo de valorizar o cinema brasileiro. De 6 a 12 de dezembro, acontece a Mostra IX Brazilian Film Series nas salas do Shopping Jaraguá, com exibições diárias e gratuitas. O evento tem o apoio da Prefeitura de Indaiatuba, por meio da Secretaria Municipal de Cultura.

    Indaiatuba é a única cidade do interior de São Paulo a participar da Mostra, que começa na primeira quinta-feira de dezembro, dia 6. Nos dias subsequentes, filmes nacionais serão exibidos diariamente no Topázio Cinemas, sempre às 20 horas. Entre os selecionados estão: Como Nossos Pais, Chega de Fiu Fiu, Entre Irmãs, Aos Teus Olhos, Imagem da Tolerância, Piripkura e Elis.

    A IX Brazilian Film Series acontecerá também em São Paulo e em Chicago, nos Estados Unidos, foi realizada no período de 2 a 16 de novembro.

    Criado há nove anos em Chicago, por sua atual diretora, a brasileira Ariani Friedl, o evento tem o objetivo de difundir e fortalecer a produção audiovisual brasileira nos dois países.

  • 30/11/2018 - Marjorie Estiano é indicada Melhor Atriz no Prêmio APCA
    Fechar

    Marjorie Estiano é indicada Melhor Atriz no Prêmio APCA

    Como acontece tradicionalmente todos anos, a APCA (Associação Paulista de Críticos de Arte) indica os melhores da TV. Em 2018, os críticos Cristina Padiglione, Edianez Parente, Fábio Maksymczuk, Flavio Ricco, Leão Lobo, Neuber Fischer, Nilson Xavier e Paulo Gustavo Pereira já escolheram os 5 indicados ao prêmio.

    Marjorie Estiano concorre na categoria Melhor Atriz por sua atuação na segunda temporada de Sob Pressão.
    Além de Marjorie, Sob Pressão concorre em outras duas categorias : Melhor Ator com Júlio Andrade e Melhor Dramaturgia.

    A eleição dos vencedores em cada uma das categorias dos melhores da televisão em 2018, será realizada em data ainda a ser definida.

    Leia mais:

  • 27/11/2018 - Canal Brasil estreia filme de terror com Marjorie Estiano
    Fechar

    Canal Brasil estreia filme de terror com Marjorie Estiano

    Juliana Rojas e Marco Dutra retomam a parceria de “Trabalhar Cansa” (2011), elogiado longa-metragem de horror relacionado a dramas sociais, para o lançamento de “As Boas Maneiras”, nesta terça (27) no Canal Brasil.

    O longa narra a relação entre uma grávida da alta sociedade e uma enfermeira proveniente da periferia.

    Parceria entre Brasil e França, a obra recebeu mais de 20 prêmios, dentre eles cinco troféus no Festival do Rio de 2017, incluindo melhor filme e atriz coadjuvante (Marjorie Estiano), além de ter sido laureado em Locarno (Suíça) e Biarritz (França). No elenco, estão ainda Isabél Zuaa, Cida Moreira e Miguel Lobo.

    No longa, Ana (Marjorie Estiano) contrata Clara (Isabél Zuaa), uma solitária enfermeira moradora da periferia de São Paulo, para ser babá de seu filho ainda não nascido. Conforme a gravidez vai avançando, Ana começa a apresentar comportamentos cada vez mais estranhos e sinistros hábitos noturnos que afetam diretamente Clara.

    “As Boas Maneiras” estreia dia 27 de novembro, às 22h no Canal Brasil.

    Leia mais:

  • 18/11/2018 - Com dramas fortes e realistas, Sob Pressão é a melhor produção atual da Globo
    Fechar

    Com dramas fortes e realistas, Sob Pressão é a melhor produção atual da Globo

    “O nosso erro não é como o erro de todo mundo. O nosso erro pode ser a morte de uma pessoa”, filosofa Evandro (Julio Andrade), justificando o estrago que uma falha médica pode causar. Com essa frase, o protagonista de Sob Pressão deixa claro que a segunda temporada da série vai muito além dos problemas de saúde e enfoca, também, os dilemas pessoais dos profissionais que circulam pelo fictício hospital Luis Carlos Macedo.

    A nova temporada aprofunda os dramas dos personagens e mostra a força de narrativas mais curtas, que começam e se encerram sem delongas. Não há espaço para barrigas e histórias desnecessárias. Tudo ali é retratado de maneira seca, rápida e interessante.

    Os dramas dos pacientes misturam-se aos dos médicos, o que dá profundidade às histórias pessoais de cada um deles. Como exemplo, a culpa de Evandro por ter negligenciado o atendimento a uma mulher, que logo depois morreu.
    Ou ainda Carolina (Marjorie Estiano) que, mesmo machucada depois de sofrer um acidente de ônibus, prestou atendimento aos feridos, ignorando os riscos à sua própria vida em meio às ferragens do veículo que estava prestes a explodir.

    Sob Pressão é boa porque transborda o simples entretenimento ao expor a chaga da saúde pública no Brasil através do caos que assola nossos hospitais. É atual ao abrir espaço para escancarar a corrupção sistêmica que ronda as instituições e corrompe a (quase) todos. Daí a importância da entrada de Renata (Fernanda Torres) na segunda temporada da história.

    No elenco, destaque também para Marjorie Estiano, que deixa evidente a sensibilidade de sua personagem, e Julio Andrade. A escolha de um elenco protagonista pouco badalado mostrou-se acertada por priorizar a capacidade cênica e a entrega dos atores aos seus personagens. Quem ganha é o público, brindado com atuações convincentes.

    Leia mais.

  • 16/11/2018 - “Entre Irmãs”, de Breno Silveira estará na “MOSTRA IX: Brazilian Film Series”, na Unibes Cultural, em SP
    Fechar

    “Entre Irmãs”, de Breno Silveira estará na “MOSTRA IX: Brazilian Film Series”, na Unibes Cultural, em SP

    Começa dia 29 a MOSTRA IX: Brazilian Film Series, na Unibes Cultural, em SP

    Em sua 4ª edição na cidade de São Paulo, começa no dia 29 de novembro a MOSTRA IX: Brazilian Film Series, de Consciência Social. Este ano o evento com longas e curtas-metragens brasileiros, sempre com entrada franca, inaugura um novo espaço oficial, a Unibes Cultural, que terá sessões nos dias 29 (Abertura), 30 de novembro e 1º, 7 e 8 de dezembro. Na abertura da MOSTRA haverá a exibição de “Como Nossos País”, de Laís Bodansky. Ao todo, oito longas e 12 curtas-metragens – entre ficção e documentário – serão apresentado ao público.

    Entre os longas-metragens, a MOSTRA IX vai exibir também: “Piripkura” (Doc), de Mariana Oliva, Renata Terra e Bruno Jorge, “Entre Irmãs”, de Breno Silveira, “Aos Teus Olhos”, de Carolina Jabor, “Imagem da Tolerância” (Doc), de Joana Mariani e Paula Trabulsi, “Chega de Fiu Fiu”, (Doc), de Amanda Kamanchek e Fernanda Frazão, “O Menino e o Mundo” (Animação), de Alê Abreu, e “Elis”, de Bruno Prata.

    De acordo com Ariani Friedl, com temática voltada à Consciência Social, a MOSTRA Brazilian Film Series “continua despertando a curiosidade dos americanos, principalmente estudantes, sobre o nosso País. Também os brasileiros que vivem por aqui, não perdem a oportunidade para reconectar-se à nossa cultura e à visão de realidade do Brasil, manifestada sob o olhar dos nossos cineastas”, contou.

    Mesmo com todo o trabalho e responsabilidade na seleção dos filmes e organização do evento, Ariani revelou que o comportamento do público tem servido de incentivo para continuar divulgando o cinema nacional naquele país. Nos EUA, o evento acontece de 2 a 16 de novembro. Além de Chicago, as sessões são apresentadas em outras cidades da região meio-oeste.

    A realização do evento, tanto nos EUA como no Brasil está a cargo da organização sem fins lucrativos Partners of the America.