• 13/01/2020 - Marjorie Estiano conquista Prêmio Contigo de Melhor Atriz de Série 2019
    Fechar

    Marjorie Estiano conquista Prêmio Contigo de Melhor Atriz de Série 2019

    Após três semanas de votações e muito engajamento de fãs e leitores durante o período, é hora de conhecer os grandes vencedores da edição 2019 do Prêmio Contigo! Online.

    Foram mais de 5 milhões de votos separados em 27 categorias em que grandes produções, atores, atrizes, apresentadores e nomes da música disputaram a preferência do público.

    Com mais de 50% de votos, Marjorie Estiano foi a vencedora na categoria Melhor atriz de série por sua atuação como Carolina, na série Sob Pressão.

    A atriz concorreu com com Débora Block, Letícia Colin, Fernanda Torres e Tata Werneck.

    Além de Marjorie, a série sob pressão foi eleita a melhor série de 2019.

  • 11/01/2020 - BFI elege os 10 melhore filmes de Terror da Década
    Fechar

    BFI elege os 10 melhore filmes de Terror da Década

    BFI elege os 10 melhore filmes de Terror da Década

    As Boas Maneiras é eleito um dos melhores filmes de terror da década pela British film Institute.

    O instituto Britânico liberou a lista com os melhores filmes da década e As Boas Maneiras, filme de Marco Dutra e Juliana Rojas, está entre os escolhidos.

    AS BOAS MANEIRAS:
    Muito possivelmente o maior filme de terror contemporâneo que você nunca viu, o conto de fadas adulto subversivo e imaginativo de Juliana Rojas e Marco Dutra é um dos segredos mais bem guardados da década. Clara (Isabél Zuaa) é uma trabalhadora que mora nos arredores de São Paulo. Lutando para sobreviver, ela aceita a posição de babá para o filho ainda não nascido de uma mulher rica e solteira chamada Ana (Marjorie Estiano). As duas mulheres imediatamente desenvolvem um vínculo forte, mas o comportamento cada vez mais estranho de Ana sugere um segredo profundo e sombrio. Então, uma noite, a verdade chocante surge.

    Dar mais detalhes do enredo seria negar ao público as muitas surpresas que este delicioso e especial filme tem a oferecer. Infelizmente, As Boas Maneiras nunca foi distribuído no Reino Unido (apesar da exibição na competição no BFI London Film Festival 2017), e isso é um pouco difícil de conseguir, mas faça o que puder para conseguir uma cópia. Veja, ame, espalhe a palavra.

  • 10/01/2020 - Poemas e contos apavorantes de Vinicius de Moraes inspiram série de terror
    Fechar

    Poemas e contos apavorantes de Vinicius de Moraes inspiram série de terror

    Vinicius de Moraes, poucos sabem, era um fã de filmes de terror. Em críticas de cinema que publicou em periódicos dos anos 1940, hoje reunidas em seu site oficial, é só elogios para produções como “Máscara de Fogo”, “Os Mortos Falam”, “A Dama e o Monstro”, “Frankenstein” —o último, escreve o poeta, dono de uma das mais belas cenas já realizadas na história.

    Sete desses escritos, produzidos entre os anos 1930 e 1950 e mapeados pela produtora A Fábrica, inspiram a série “Noturnos”, com previsão de estreia no segundo semestre no Canal Brasil.

    Entediados, os atores começam a contar histórias de assombração uns aos outros, sentados em volta de uma goteira.

    É aí que os textos ganham vida e ocupam a tela, com os próprios membros da trupe, vividos por nomes como Ícaro Silva, Thaia Perez, Rafael Losso e Andrea Marquee, se revezando entre os papéis.

    Uma outra camada do Brasil contemporâneo se infiltra na trama principal. Num dos episódios, um casal de estranhos ajuda um dos atores da companhia, que havia se perdido no temporal, a voltar ao teatro.
    Conservadores e avessos ao universo artístico, eles protagonizam uma série de embates com o grupo. Até que decidem entrar na brincadeira de contação de histórias.

    Como o casal não está familiarizado com o grupo, este é o único episódio que tem atores de fora da companhia fictícia. No caso, Marjorie Estiano, que havia trabalhado com Dutra em “As Boas Maneiras” e afirma ter entrado em contato com essa produção alternativa de Vinicius pela primeira vez.

    Vivendo uma espécie de garota de Ipanema fantasmagórica, de pele muito branca e biquíni e quimono vermelhos, ela seduz o típico macho alfa Anderson de Bruno Bellarmino. “Ele não consegue enquadrar aquela mulher nos padrões que criou”, diz Estiano, sobre sua misteriosa femme fatale.

  • 05/01/2020 - Marjorie Estiano conquista Prêmio The Brazilian Critic 2019
    Fechar

    Marjorie Estiano conquista Prêmio The Brazilian Critic 2019

    Na noite desta segunda-feira (30/12) foram anunciados os vencedores do prêmio The Brazilian Critic 2019!

    O destaque maior ficou para a série “Pico da Neblina”, produção da HBO, que venceu 6 das 8 indicações que recebeu, incluindo a de Melhor Série de Drama.

    Destaque também para Julio Andrade e Marjorie Estiano, que venceram pelo segundo ano consecutivo como Melhor Ator e Melhor Atriz pela série de drama “Sob Pressão”.

    Outras produções que venceram mais de um prêmio foram “Sessão de Terapia”, “Ninguém Tá Olhando”, “Órfãos da Terra” e “Coisa Mais Linda”

  • 02/01/2020 - Confira os melhores da TV brasileira em 2019
    Fechar

    Confira os melhores da TV brasileira em 2019

    MELHOR ATRIZ: Marjorie Estiano (Sob Pressão)

    Marjorie viveu o auge de sua carreira artística na terceira temporada de “Sob Pressão”. A sua atuação, no episódio duplo da série, é inesquecível. Nesta oportunidade, doutora Carolina, que estava grávida, perdeu o seu bebê por um incidente. Marjorie transmitiu, através do olhar, todo o horror interno e externo, já que no hospital também ocorria troca de tiros entre polícia e bandidos com feridos e mortos espalhados pelos corredores.

    MELHOR SÉRIE: Sob Pressão

    “Sob Pressão” é uma atração necessária na TV brasileira por jogar luz, através da teledramaturgia, sobre a caótica rede de saúde pública do nosso País. A competente direção artística de Andrucha Waddington e direção de Mini Kerti, Rebeca Diniz, Pedro Waddington e Julio Andrade trouxe ritmo à série. O telespectador fica envolvido com a história narrada. O drama do sistema de saúde aliado aos conflitos dos personagens não “pesam” na atração. Roteiro e direção trabalham com destreza.

    Fonte:Vcfaz.Tv