• 27/06/2019 - Revista Claudia – Marjorie Estiano vira assunto na web após performance em minissérie
    Fechar

    Revista Claudia – Marjorie Estiano vira assunto na web após performance em minissérie

    Marjorie Estiano, 37 anos, surpreendeu mais uma vez os internautas com sua atuação como a médica Carolina na série Sob Pressão, da TV Globo.

    O episódio da noite de quarta-feira (26) foi um dos mais agitados para o público. Com apenas uma câmera e filmagem sem cortes, os fãs puderam sentir a angústia da personagem de Marjorie ao não conseguir ouvir os batimentos do bebê que esperava.

    A série conta histórias dramáticas vividas pela equipe de emergência de um hospital público do Rio de Janeiro e a relação improvável entre dois profissionais que superam todos os limites para manter os pacientes vivos.

    Confira a repercussão da atuação de Marjorie na internet clicando aqui:

  • 26/06/2019 - Revista Caras – Marjorie Estiano é aclamada após performance incrível em minissérie
    Fechar

    Revista Caras – Marjorie Estiano é aclamada após performance incrível em minissérie

    Dando vida à Carolina, Marjorie Estiano acabou sendo o grande destaque da noite. Aclamada pelo público, a atriz chegou a ter seu nome entre os assuntos mais comentados da noite nas redes sociais. A cena em que nota que o coração de seu filho não está batendo foi uma das mais impactantes da atualidade.

    Com apenas uma câmera, em uma filmagem sem cortes, os fãs da atração puderam conferir e sentir de forma inexplicável a angústia da estrela ao não conseguir ouvir os batimentos cardíacos do bebê que esperava. Após todo o desempenho, a estrela chegou a receber inúmeros elogiosos nas redes sociais.

    Leia a Matéria completa aqui

  • 18/06/2019 - Marjorie Estiano é eleita Melhor Atriz pela APCA
    Fechar

    Marjorie Estiano é eleita Melhor Atriz pela APCA

    A Associação Paulista de Críticos de Artes (APCA) premiou, na noite desta segunda-feira (17), os vencedores de mais uma edição de seu prêmio anual. A entidade entregou os troféus para as melhores de 2018 nas categorias Arquitetura, Artes Visuais, Cinema, Dança, Literatura, Música Popular, Rádio, Teatro, Teatro Infantil e Televisão.

    A 62ª edição do Troféu APCA aconteceu no Teatro Sérgio Cardoso, em São Paulo, e contou com a apresentação dos atores Fabiana Gugli e Edson Montenegro.

    Na categoria Televisão, Marjorie Estiano foi eleita Melhor Atriz por sua interpretação na série médica Sob Pressão, ao lado dela, Fábio Assunção levou o prêmio por sua atuação na série Onde Nascem os Fortes, ambientada no sertão nordestino.
    O Juri foi composto pelos criticos Cristina Padiglione, Edianez Parente, Fabio Maksymczuk, Flávio Ricco, Leão Lobo, Neuber Fischer, Nilson Xavier e Paulo Gustavo Pereira.

    Na categoria Cinema, o longa Paraíso Perdido, de Monique Gardenberg, que levou o Prêmio Interpretação Coletiva, pelo elenco que reuniu grandes nomes como Erasmo Carlos, Marjorie Estiano, Julio Andrade, Hermila Guedes, Seu Jorge entre outros.

  • 17/06/2019 - Grande Prêmio do Cinema Brasileiro anuncia lista de finalistas.
    Fechar

    Grande Prêmio do Cinema Brasileiro anuncia lista de finalistas.

    Foi dada a largada para a maior premiação nacional do audiovisual. A Academia Brasileira de Cinema acaba de divulgar a lista com os filmes finalistas do 18º Grande Prêmio do Cinema Brasileiro, que este ano será no dia 14 de agosto, com transmissão ao vivo para todo o país pelo Canal Brasil.

    A disputa deste ano reuniu 74 longas de ficção, 67 longas documentários, dois longas infantis, 55 curtas nacionais, além de 43 longas estrangeiros e 11 longas ibero-americanos. Ao todo, 1986 profissionais foram inscritos na disputa e mais de 200 concorrem ao Troféu Otelo.

    Marjorie Estiano é finalista nas categorias Melhor Atriz (As boas Maneiras) e Melhor Atriz Coadjuvante (Paraíso Perdido). Além de Marjorie, As Boas Maneiras concorre em outras três categorias: Melhor Efeito Visual, Melhor Roteiro e melhor Som; e Paraíso Perdido concorre na categoria Melhor Trilha Sonora com Zeca Baleiro.

    Matéria na integra leia aqui

  • 14/06/2019 - Marjorie Estiano fala sobre aprendizados com ‘Sob Pressão’.
    Fechar

    Marjorie Estiano fala sobre aprendizados com ‘Sob Pressão’.

    Marjorie Estiano – “É a primeira vez que sinto o efeito tão sensível e concreto do telespectador”

    Marjorie Estiano é destaque entre as artistas da sua geração, seja pela versatilidade ou vontade em aprender. O que fica claro é que ela tem um jeito profundo e delicado de olhar para todos os trabalhos em que se envolve e entende os seus personagens como ninguém. Atualmente, Marjorie está no ar na terceira temporada de “Sob Pressão” e no cinema com o filme “Beatriz”, em que a sua personagem enfrenta um relacionamento diferente e conturbado com Marcelo (Sérgio Guizé) : “Uma relação é um organismo vivo. Deve ser constantemente atualizado. Sofremos, individualmente, muitas mudanças e isso altera a relação de forma inevitável”, comenta.

    Glamurama: Como trabalha a sua personagem em “Sob Pressão” a cada temporada?

    Marjorie Estiano: Avalio sempre como as experiências vividas modificaram o comportamento, a maneira de pensar, de agir. Para mim é importante continuar investigando essa realidade, é ela que me transfere a dimensão do que estamos falando e fazendo. Ver nos jornais é diferente de presenciar. Tudo o que vivi nas gravações foi muito marcante e continua se desdobrando em novas reflexões, constatações. Não só em mim, mas no espectador, nos profissionais de saúde, na população em geral. Através do ‘Sob Pressão’ a gente consegue olhar para dentro e para fora: somos a vítima, o agressor e o salvador simultaneamente.

    Glamurama: ‘Sob Pressão’ aborda temas que normalmente são tratados como tabu. É difícil lidar com assuntos tão pesados?

    Marjorie Estiano: Bastante, a gente se depara com muitos casos revoltantes com origem no descaso do Estado. E assim acho que passamos pelo mesmo processo que os verdadeiros profissionais, que é descobrir mecanismos para canalizar esses sentimentos e transformar o que é possível ser feito agora.

    Confira a entrevista completa aqui