• 15/11/2018 - Aos 36 anos, Marjorie Estiano se consagra como uma das melhores atrizes de sua geração
    Fechar

    Aos 36 anos, Marjorie Estiano se consagra como uma das melhores atrizes de sua geração

    No ar na segunda temporada da série ‘Sob Pressão’, na pele da médica Carolina, que apesar da dura realidade do hospital público em que trabalha, segue firme na vocação, ela comenta algumas das mudanças que a personagem sofreu de uma temporada para outra

    Rio – Aos 36 anos, Marjorie Estiano se consagra como uma das melhores atrizes de sua geração. No ar na segunda temporada da série ‘Sob Pressão’, na Globo, na pele da médica Carolina, que apesar da dura realidade do hospital público em que trabalha, segue firme na vocação, ela comenta algumas das mudanças que a personagem sofreu de uma temporada para outra. Principalmente em relação à questão emocional. Carolina se entregou ao amor e casou com Evandro (Julio Andrade).

    A médica também encarou os traumas e o pai (que morreu há dois episódios), depois de ter denunciado o abuso que sofreu.”As experiências vão construindo a gente lentamente. Ninguém muda de uma hora para outra e, mais que isso, acho que para mudar determinados padrões de comportamento tem que se esforçar muito”, reflete.

    “Algumas oportunidades surgiram ao longo da primeira temporada, oferecidas pelo exercício da profissão, pelo relacionamento com uma pessoa que pensa muito diferente dela em alguns aspectos, por ter enfrentado e denunciado o pai que abusou dela durante a infância. Acho que tudo isso foi se estabelecendo como reafirmação e renovação de alguns valores, de fé, de saúde, amor. Uma proposta de mudança de conduta diante de outros… como em relação ao recurso de automutilação. Caminhando para frente, às vezes um passinho para trás, mas sempre na busca”, diz.

    Leia mais

  • 14/11/2018 - Marjorie Estiano explica importância de narrativa social presente em ‘Sob Pressão’
    Fechar

    Marjorie Estiano explica importância de narrativa social presente em ‘Sob Pressão’

    A atriz Marjorie Estiano está emocionando o público com os embates da médica Carolina, na série Sob Pressão. Nos bastidores do Altas Horas do último sábado, 10/11, ela falou sobre as mudanças que ocorreram no enredo do Macedão de Cascadura.

    Marjorie comentou, ainda, os conflitos de sua personagem, e a importância de retratar as origens dos problemas do hospital público.

    “A experiência vai apurando um pouco o seu olhar. Para mim, parece que é sempre a primeira temporada. Cada paciente é um caso novo, que a gente ainda não teve contato. Essa segunda temporada me exaltou nesse lugar da responsabilidade social.” Marjorie acredita que o sucesso de Carolina se deu por conta da identificação do público com a médica.

    “Teve uma repercussão grande de identificação pela história da Carolina. Acho que essa é uma personagem inspiradora, justamente porque ela é uma heroína real. É um heroísmo diário, cotidiano. Todos os personagens são muito reais, e acho que isso só agrega.”

    Leia mais:

  • 13/11/2018 - ‘A Carolina é uma heroína real’, disse Marjorie Estiano sobre sua personagem
    Fechar

    ‘A Carolina é uma heroína real’, disse Marjorie Estiano sobre sua personagem

    Marjorie Estiano fala sobre a segunda temporada de “Sob Pressão”.
    Explica importância da narrativa social presente na série.

    Alem disso ela também fala também sobre o desgaste que é fazer uma personagem dessa magnitude.

    Veja o vídeo.

  • 12/11/2018 - Projeta Brasil chega à sua 19ª edição; Entre os destaques está a produção de terror aclamadas pela crítica, “As Boas Maneiras”
    Fechar

    Projeta Brasil chega à sua 19ª edição; Entre os destaques está a produção de terror aclamadas pela crítica, “As Boas Maneiras”

    Durante o festival, que acontece nesta segunda (12), o Cinemark exibe apenas produções nacionais, com ingresso a R$ 4 (inteira)

    Como forma de incentivar o cinema nacional, uma vez por ano a Cinemark promove o festival Projeta Brasil, que reúne os principais filmes recentes produzidos no país. Com um total de 40 longas-metragens, a 19ª edição da mostra acontece nesta segunda (12), com cardápio que tem uma mistura de gêneros, do terror à comédia. Na ocasião, o ingresso custa R$ 4 a inteira, em qualquer sala da rede.

    Como é habitual, a renda é totalmente revertida para projetos e programas de incentivo à produção cinematográfica nacional.

    Entre os destaques estão as produções de terror aclamadas pela crítica, como “As Boas Maneiras”, estrelada por Marjorie Estiano; e “O Nó do Diabo” com Zezé Motta.

    Para quem não gosta do estilo e prefere ação, há opções como “O Doutrinador” (foto), que transpõe HQ brasileira para as telas; e “Motorrad”, sobre um grupo que vai fazer trilha em um lugar proibido, no meio da floresta.

    Enquanto isso, os amantes do drama ficam com “Benzinho”, “O Nome da Morte” e “O Paciente”.

    Fonte:
    Destak // Cinema

  • 11/11/2018 - Marjorie Estiano participou do “Altas Horas” – Programa na integra.
    Fechar

    Marjorie Estiano participou do “Altas Horas” – Programa na integra.

    Marjorie Estiano participou do Altas Horas no último sábado.

    A atriz falou sobre a segunda temporada de sob pressão. Revelou os bastidores do acidente, experiências e pesquisas para criação do personagem.

    Perdeu a entrevista?

    Confira o programa na íntegra: